Baterista sem braço volta a tocar com ajuda da Inteligência Artificial.

O baterista Jason Barnes perdeu um braço em um acidente aos 22 anos e não tinha certeza se voltaria a tocar. Não havia próteses específicas para um bateristas. Ele não desistiu. Trabalhou com uma equipe de cientistas e programadores para usar inteligência artificial e fabricar algo específico para ele e que serviria para outros músicos deficientes. Ele ajudou a desenvolver a aprimorar a pesquisa na criação de produtos melhores para mais de um bilhão de pessoas com deficiência em todo o mundo.

vejam o resultado, que coisa fantástica!






16 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo