Como está a sua flexibilidade?


A contratação por projetos é uma tendência cada vez mais presente nas empresas

Quem acompanha diariamente a oferta de vagas no LinkedIn, a impressão é de que o número de oportunidades tem melhorado no último mês, se confirmando uma expectativa de reagida no segundo semestre devido ao avanço da vacinação contra o coronavírus no Brasil.

Antes mesmo da pandemia, não é novidade que o país enfrentava uma recessão econômica. O cenário já colocava aos profissionais e empresas movimentos de maior competitividade. As empresas tiveram que passar por ajustes financeiros e estruturais e os seus colaboradores por uma disputa acirrada pela empregabilidade.

Ainda estamos vivendo na expectativa concreta e mais substancial da melhora do cenário econômico mundial e brasileiro, mas não podemos ficar parados, nós profissionais podemos continuar refletindo e desenvolvendo competências comportamentais que estão em alta.

A Consultoria Robert Half destaca como importante ter: Pensamento estratégico, Comunicação, Agilidade, Inovação e Adaptabilidade. Outro ponto que devemos observar e que começou antes da pandemia, foi a contratação por projetos. A tendência veio para ficar e temos que estar adaptados a esse modelo de prestação de serviço. São cargos que vão desde analistas até diretores.

Segundo reportagem do Vagas.com, a ideia, é que esse tipo de contratação seja utilizado principalmente em algumas situações. Uma delas é quando a empresa precisa de profissionais especializados que agreguem conhecimento ao time para projetos pontuais. Outra situação comum são os períodos desafiadores em que a empresa precisa ganhar agilidade e produtividade.

A contratação por projetos também deve ganhar espaço quando a empresa precisa aumentar a flexibilidade de determinada área, sem afetar a rotina do pessoal em tempo integral. Além disso, é provável que ela seja utilizada para avaliar um profissional para futura contratação. Portanto, mesmo que você esteja em busca de uma vaga efetiva, essa pode ser uma boa porta de entrada. Vale a pena ficar atento a oportunidades desse tipo e estar mais flexível em relação as propostas.


5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo